sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Algumas considerações...

Depois de ter passado pela experiência da gravidez, parto e pós-parto, gostaria de deixar algumas dicas e fazer algumas considerações.
Durante a gravidez sempre quis fazer um curso preparatório para o parto, aqueles cursos de gestante, mas sempre enrolei e quando ligava nos hospitais já tinha passado o dia ou na data não dava para o Cristiano ir comigo, então acabei não fazendo...não senti tanta falta na hora da parto, mas na hora de amamentar, Jesus do céu...então minha dica é que se puderem façam pelo menos um curso sobre amamentação, para aprenderem a forma certa que o bebê tem que mamar e várias outras coisas importantes que só nos damos conta que são importantes quando precisamos delas(apesar do Levi ter mamado na primeira hora de vida, tive alguns probleminhas para amamentar, depois eu conto essa parte)...Pra quem não pode ou não tem tempo tem um curso de gestante on-line bem legal que dá algumas dicas importantes, é só se cadastrar e assistir os vídeos:www.bebe.com.br
Fazer atividade física também foi muito bom para mim, adorei fazer hidroginástica, mas uma caminhadinha já ajuda. Também achei super importante ir ao nutricionista, ela me deu várias dicas e com um programa alimentar comia nos horários certos e isso também diminuía os enjoos, fora que é super importante, nos gravidinhas, comermos corretamente, nossos bebês depende totalmente de nos!
Quando fiquei grávida descobri o que era uma doula, porque até então não sabia da existência delas, rs, pensei em contratar uma, cheguei até a marcar horário com algumas, mas para variar nunca dava certo. Não senti tanta falta de alguém comigo na hora do parto, até me senti aliviada por não ter contratado uma doula, porque na hora do trabalho de parto eu não queria ouvir ninguém, e se estivesse com alguém do meu lado me falando o que fazer talvez teria ficado estressadíssima...pode funcionar para algumas pessoas, mas acho que pra mim não daria certo, mas acho lindo o trabalho delas!
Ter um parto normal dói??As contrações doem muitoooooooooooo, mas o parto em si não!Pelo menos comigo foi assim, tive 4 horas de trabalho de parto e fiquei apenas10 minutos no centro cirúrgico até o Levi nascer, não senti dor quando ele nasceu, mas sim um alívio porque assim que ele nasceu às dores cessaram, parecia que nada tinha acontecido. Na segunda força que eu fiz ele nasceu, foi muito rápido. As pessoas me perguntam:E aí, seu próximo filho você vai querer parto normal?? E eu respondo: Com certeza!! É claro que falo isso hoje, porque um dia depois do parto o Doutor Petrus entrou no quarto e perguntou se queria outro parto normal e eu respondi: Deus me livre Enquanto eu lembrar desse não!É exatamente isso que acontece com o tempo você vai esquecendo da intensidade, claro que eu não esqueci que dói muito, mas hoje as dores que veem a minha memória são bem menos intensas do que 3 meses atrás...
Apesar da dor vale muito a pena, não só pelo pós-parto, mas pela sensação de ter ajudado ativamente seu filho a vir ao mundo, não existe sensação melhor que essa... Meu pós-parto foi tranquilíssimo, não tive problema algum. Assim que saí do centro cirúrgico perguntei se eles serviam jantar naquele horário(O Levi nasceu 02:55 da manhã...rss), estava morrendo de fome, eles falaram que não, mas que minha dieta era liberada.O Cristiano saiu e comprou um monte de besteiras para comermos, fomos para o apartamento comer chocolate, biscoito recheado...Se tivesse feito uma cesária estaria com uma dieta restrita, teria que esperar não sei quantas horas a anestesia passar para poder ir para o quarto com o meu bebê.No outro dia estava tomando banho sozinha, me sentia um pouco fraca, é claro, mas nenhuma dor.
Também quero indicar meu obstetra, Doutor Petrus Leonardo, pra quem é de Brasília e deseja muito um parto normal ou natural ou até mesmo cesária indico esse médico de olhos fechados, um grande profissional, super atencioso, prestativo, calmo. O único problema é que ele não aceita convênio nenhum e a consulta é um pouco cara, mas vale muito a pena!Ele atende na Clínica Sago, que fica no anexo do Hospital Brasília(Lago Sul)
Tenha sempre mais de uma opção de hospital para o parto, conheça os hospitais que aceitam seu convênio, porque eu confiei que ia ganhar no Hospital Brasília e nem me preocupei em conhecer outros. Tive meu bebê no Hospital das Clínicas que fica na 910 Sul, não conhecia, mas fui muito bem tratada por todos, gostei muito!
Quero indicar três livros, um eu li durante a gravidez e os outros dois depois que o Levi nasceu, mas se puder leiam os três durante a gravidez, pelo menos para mim foram muito úteis: O primeiro que li quando estava grávida é Simplesmente Grávida, livro descontraído pra dá umas boas risadas e relaxar. Os outros dois são: Os Segredos de Uma Encantadora de Bebês e Soluções Para Noites Sem Choro, esses dois últimos me deram dicas preciosas que se tivesse lido durante a gravidez teria me preparado melhor para o que me esperava quando o Levi nascesse...rss...
Não espere muito para tirar fotos profissionais (se for fazer isso...), queria ter tirado fotos profissionais de barrigão, queria ter tirado com umas 39-40 semanas, o Levi nasceu de 38 semanas, ou seja, nada de foto...rss...

Nenhum comentário: